Os valores da família estão documentalmente definidos

O nascimento de uma empresa está essencialmente ligado à vontade de uma ou mais pessoas em exercerem uma determinada atividade. A forma como trabalham, desenvolvem o negócio, relacionam com os clientes, fornecedores ou empregados, dão origem a um conjunto de crenças, atitudes e práticas que se pode denominar de valores.

No caso das empresas familiares, os valores costumam ter um forte impacto e a família empresária possui o desejo de que perdurem no tempo.

Com uma caraterística intrínseca de difícil assimilação e passagem, a continuidade dos valores depende muito de dois fatores:

  • Estarem bem definidos por escrito e
  • Serem praticados no dia a dia, quer a nível da empresa quer a nível da família empresária.

O estudo da Atrevia (Os valores e a comunicação na empresa familiar) verificou que somente cerca de 51% das empresas possui um documento escrito que expressa claramente os valores da empresa.

Assumindo-se a sua relevância, aconselha-se a que sejam expressos num ou em vários meios disponíveis: carta de princípios e valores da empresa e família, em publicações comemorativas da família ou empresa e, existindo, no site da empresa.

Em 1911, Manoel Marques iniciou a atividade empresarial, com um capital de 50$, numas instalações rudimentares num moinho nas margens do Rio Ave, com a finalidade de produzir única e exclusivamente facas.

Com o seu falecimento em 1959, os filhos Abel e José Marques assumem a direção da empresa e iniciam uma nova fase de investimentos e melhoria das condições laborais.

Em 1963 registam a marca HERDMAR (Herdeiros Marques) e constituem a empresa Manuel Marques Herdeiros, Lda.

Em 1987, com o desaparecimento de Abel, José Marques adquire aos herdeiros a outra metade da empresa, onde os seus filhos já trabalhavam. Em 2002 mudam de instalações aumentando a eficiência dos processos e a capacidade produtiva para 140.000 peças/dia. Em 2011 celebram o centenário da empresa e, seis anos após, a Herdmar está em mais de 65 países, exporta cerca de 90% da produção e possui um volume de negócios médio de cinco milhões de euros.

A 4ª geração da família já está a exercer funções com o objetivo de dar continuidade ao negócio, suportado-se nos valores que estão bem expressos no site da empresa (www.herdmar.com), sobressaindo:

Qualidade: Apostamos fortemente na qualidade do produto e do serviço prestado, garantindo uma total satisfação e correspondência de expectativas dos nossos clientes,

Design: É o nosso elemento diferenciador. Cada peça representa uma história, um momento uma personalidade, e é fruto de um investimento realizado no seu desenvolvimento,

Inovação: Está no nosso ADN, arriscamos procurando persistentemente, levar aos nossos mercados operacionais elementos úteis e diferenciadores,

Tradição: Sabemos o caminho que percorremos até aqui e reconhecemos a sua importância, fazendo questão de nos mantermos fieis aos nossos princípios e assim continuar a crescer de forma sustentada,

Responsabilidade Social: Atuamos neste sentido, mantendo o conceito ativo, com consciência de que é nosso dever contribuir para a melhoria da sociedade,

Pessoas como ativo mais valioso: Os recursos humanos são a razão do nosso sucesso, como tal procuramos um desenvolvimento constante das suas competências.

Temas para Reflexão:

  • Quais são os nossos valores essenciais?
  • De que forma estão definidos e são apresentados claramente aos principais stakeholders?
  • Como asseguramos a vivência e passagem dos valores às gerações mais novas?

 

CEO da efconsulting e docente do ensino superior.
Especialista na elaboração de Protocolos Familiares, Planos de Sucessão, Órgãos de Governo, acompanhando numerosas Empresas e Famílias Empresárias.
Orador em seminários, conferências e autor de livros e centenas de artigos relacionados com Empresas Familiares.

Tags: , , , , ,